Comprar

Faz de Conta: Liberdade para brincar… e sonhar!

E se lhe dissermos que há um espaço em Braga onde pode levar as suas crianças a petiscar e brincar ao mesmo tempo? E se lhe dissermos que elas podem lá gatinhar, saltar e correr? E se lhe dissermos que também pode apreciar confortavelmente uma bebida ou um brunch no mesmo sítio, sozinho ou na companhia de amigos? Fica no coração da cidade, no espaço que faz a passagem entre a Avenida Central e o Campo da Vinha. E não precisa de “pedir uma criança emprestada”, o Faz de Conta é aberto a todas as pessoas, com ou sem filhos, e foi idealizado à medida de todos!

Há uma pequena esplanada ótima para tardes solarengas. Lá dentro há corredores amplos, mesas que partilham um longo banco, outra salinha com mesas, cadeiras e sofás. Há mantas no chão para os pequenos aventureiros. Há espaços próprios para a brincadeira, com brinquedos ou pinturas. As casas de banho são para miúdos e graúdos, com mobiliário apto a cada um. Não faltam cadeiras de refeição ou fraldários. O Faz de Conta é um espaço cheio de luz natural, de cores claras, pássaros em origami que pendem do teto, candeeiros pitorescos. E, se sentir que lhe falta alguma coisa, pode sempre pedir ajuda às proprietárias, que primam pela simpatia.

Maria João Sousa e Xana Haulsen são as orgulhosas proprietárias do espaço. Ambas mães, já tinham há algum tempo o sonho de abrir um sítio assim: onde todos pudessem conviver e a inclusão fosse a palavra de ordem. Visitaram Berlim, onde o conceito já existia, e deixaram-se inspirar. Daí até à concretização do Faz de Conta foi um passo.

“Claro que tivemos receio, mas nem pensamos muito nisso, foi uma decisão espontânea. O otimismo falou mais alto”, sorri Xana.

Maria João anui e explica que a inclusão era um objetivo real, mas o ideal seria que a palavra nem existisse. “Era bom que todas as pessoas se sentissem bem em qualquer espaço, mas a verdade é que continuam a existir algumas barreiras, sobretudo para quem tem crianças. E falamos de coisas simples como uma cadeira para a refeição ou um fraldário”, explica.

Xana, de 31 anos, é mãe de duas meninas com 2 e 5 anos. Maria João tem uma menina prestes a completar um ano e meio. A maternidade ajudou a cimentar o projeto. Quando sonharam o Faz de Conta lembraram-se também das recém-mamãs, que numa fase mais inicial estão mais expostas ao isolamento. O espaço já contribuiu para despontar amizades entre mães, filhos e os mais pequenos. A frequência assídua faz com que se comecem a conhecer, a brincar, a partilhar experiências e amizades.

O Faz de Conta está dividido em três partes: cafetaria, loja e eventos. Na parte da cafetaria pode desfrutar de saborosos brunch, sempre com opções saudáveis e orgânicas à disposição, com alternativas vegetarianas e vegan. As proprietárias privilegiam o fornecimento de ingredientes de produtores locais. À mesa chegam pratos que dão pena comer pela apresentação criativa e colorida. As panquecas são um dos pratos fortes da casa: as panquecas-animais fazem as delícias dos mais pequenos.

Já na loja, todos os produtos apresentados pertencem a marcas sustentáveis. Os brinquedos são didáticos e o material de puericultura orgânico abunda. O espaço tem até para venda o carrinho de bebé GreenTom, o mais sustentável do planeta, já que é feito a partir de garrafas de plástico recicladas. O espaço está preparado para receber também todo o tipo de eventos: festas de aniversário, babyshowers ou reuniões, tudo encaixa numa sala ampla e luminosa. Para as festas dos mais pequenos há fantoches, brinquedos, uma tenda, uma piscina de bolas e até uma mesa de pingue-pongue feita a partir de material reciclado. Uma “casinha na árvore” faz a alegria dos miúdos. 

Há várias atividades lúdicas e didáticas que fazem parte da agenda do Faz de Conta e as proprietárias já sonham com mais ideias. Os workshops vão variando, há música e pintura para bebés e pilates pós-parto para as mães. A feirinha mensal “Faz de Conta que és Vendedor” – em que as crianças “vendem” brinquedos ou artigos de puericultura usados a preços simbólicos – é um grande sucesso da casa: os mais pequenos aprendem a reutilizar e recebem as primeiras noções de economia doméstica. “Aprendem a não acumular tanto e a dar nova vida às coisas”, diz Maria João.

Xana e Maria João estão felizes com o Faz de Conta e o imaginário que transmite, tanto a adultos como a crianças. Para os mais velhos, dizem, pode mesmo ser um “escape” à vida adulta: aqui todos têm liberdade para brincar e para sonhar.

 

Faz de Conta
Largo de São Francisco, n.º 32 – Pav. 1
4700-307 Braga
T. 253 107 036
E-mail geral@fazdeconta.pt
Facebook e Instagram: @fazdecontabraga

De segunda a quarta-feira, sextas e domingos das 10h00 às 19h00. Sábados das 14h00 às 19h00.

Deixe um comentário