Pensamento

Waris Dirie

“Toda a educação começa com a mãe. Temos de repensar aquilo que ensinamos aos nossos filhos. É o mais importante de tudo”.
Waris Dirie

Em 1970, quando tinha cinco anos, Waris Dirie foi vítima de mutilação genital feminina em sua casa, na Somália. Quando fez treze anos, os seus pais arranjaram-lhe um casamento com um homem de sessenta. Waris fugiu de casa e partiu para Londres.

Apesar de se ter tornado uma modelo de sucesso – figurou até num filme de James Bond – cedo deu por terminada a carreira. Em 1997 decidiu dedicar todo o seu tempo ao combate à mutilação genital feminina através do seu trabalho como Embaixadora Especial da ONU.

Waris fundou uma organização chamada “Desert Flower”, que combate a mutilação genital feminina em todo o mundo. Foi como mãe de quatro filhos que afirmou publicamente que a mutilação genital feminina não é apenas uma questão das mulheres e que toda a educação começa em casa. 

Deixe um comentário